30 março, 2009

ATENÇÃO: PROJETO “ESCOLA DA RUA” ABRE INSCRIÇÕES

O Projeto “Escola da Rua”, ligado ao PROGRAMA FORTALECER-UFPA/SEDUC, abriu inscrições para os alunos da Escola Helena Guilhon interessados em uma das 60 vagas disponíveis. Podem participar Projeto alunos do Ensino Fundamental Maior (7ª e 8ª séries), da 4ª Etapa/EJA e de todas as séries do Ensino Médio. Os alunos devem procurar um dos bolsistas do projeto nos corredores da escola ou na Sala de Informática a partir do dia 25 de Março.

25 março, 2009

Apoio às crianças e jovens com necessidades especiais.

O apoio pedagógico às crianças e adolescentes com necessidades especiais é praticamente um luxo nas escolas públicas, mas felizmente temos em nossa escola o trabalho da Profª Telma Paes, que há vários anos realiza tal atividade tornando a escola D. Helena Guilhon uma referência nesta área, mesmo com todas as limitações inerentes à realidade da escola pública. A sala de informática, juntamente com as ferramentas educativas do botosetlinux, veio dar outras opções e novo fôlego para aquela professora a quem os pais e familiares agradecem pelo carinho com seus alunos e pelos passeios culturais que com estes realizou.

ELEIÇÃO DIRETA PARA DIREÇÃO E VICE DIREÇÃO DA ESCOLA.

Até o dia 30 de junho deste ano, as unidades escolares da Rede Estadual de Ensino devem promover eleições diretas para a escolha de diretores e vice-diretores das escolas da rede. O procedimento foi regulamentado por portaria assinada no dia 16/02/2009, pela secretária de estado de educação, Bila Gallo, durante a cerimônia de abertura do ano letivo de 2009. O ato da secretária é parte do projeto de democratização da gestão nas escolas públicas estaduais.
De acordo com a instrução normativa nº 3, que dispõe sobre a adequação das escolas à Portaria nº 04, as escolas que “ainda não tenham realizado eleições diretas ou que já tendo realizado, os mandatos dos eleitos já tenham completado dois anos, devem adequar a forma de escolha dos diretores e vice-diretores nos referidos estabelecimentos à supracitada Portaria”.
Assim sendo o conselho escolar da escola E.E.E.F.M D. Helena Guilhon, convoca toda a comunidade escolar para participar da assembléia geral que ocorrerá às 19 horas do dia 01/04/09, referente a escolha da comissão eleitoral, que é constituída por representantes das diversas categorias. Os quais serão responsáveis pela condução do processo de eleição para diretor e vice-diretores desta unidade de ensino.

Para saber mais das normas para eleição . clique aqui

21 março, 2009

Escola D.Helena Guilhon comemora seus 34 anos

Na manhã da sexta feira do dia 20 de março, a escola D. Helena Guilhon comemorou seu 34º Aniversário, diversas programações mobilizaram a comunidade escolar.A festividade iniciou-se com as palavras do diretor e do Pe. Bruno e contou com a presença de nossa gestora Ruth. Logo Após se deu execução do hino nacional brasileiro pela banda musical da polícia militar do Pará, seguido dos concursos de miss da escola, de poesias, torneios esportivos, danças, apresentação musical do grupo Orube, produções do projeto escola de portas abertas e premiações aos melhores poemas e as misses.



Concurso de poemas, tema: Minha escola.


1º lugar
Minha escola

Educação é arte
Educação faz parte
Fui de uma escola particular, mas aqui consegui me identificar
Muitas foram como você, mas nenhuma permaneceu.

Da vida quero aprender, quero aqui permanecer
Orgulha-me o nome da escola sei que é maravilhosa
Não pretendo sair daqui, não se depender de mim,
Antes de vir para cá não foi fácil,mas agora não estou de fora.

Hoje estou neste lugar e pretendo me esforçar
Essa escola vai ser famosa no maior lugar do Pará
Leões estão a jogar e outros a desafiar
Escola de sucesso e tradição, bênção de uma geração.
Não tenha vergonha da sua escola, pois é esplendorosa
A escola Helena Guilhon, um dia vai ser famosa.

Grande és tu, oh, minha escola como realça sua beleza!
Um futuro promissor espera por mim, com certeza.
Inimigos da escola, com eles não me preocupo..
Lá na passarela, Helena brilha, esteja sozinha ou em grupo
Hoje, homens e mulheres, que, com garra e determinação
Os dias que aqui passaram aprenderam a lição
Nova era, nova terra, com Helena no coração.

Autor: Tiago Henrique – 8ª Série.

2º lugar
Minha escola
Desde 1975
O dia 19 exatamente
No bairro do satélite em Belém
A escola modelo surge para as crianças e adolescente

Hoje uma escola com estrutura
E todos procura educar
Lecionando todas as matérias
E grandes cidadãos pretende formar
Não desrespeitar o nosso próximo
A escola procura ensinar.

Gerar cidadãos para um mundo melhor
Única missão para prosperar
Isso encontro em minha escola
Lá é lugar de educar
Helena Guilhon
O lugar de aprender
Nela tenho a certeza de vencer.
Aluna: Gabriela Brito turma: 731/ tarde. Professora Elza.


3º lugar.
Minha escola é vida
Pois sem ela estamos sem saída
Escola, lugar belo,
Pela minha tenho afeto.
Minha escola não é perfeita,
Mas para mim é uma grande riqueza.
Helena Guilhon- ensinou minha irmã...,meu pai...
Ela é como se ela fosse minha família, ela faz parte da minha vida.
Neste dia especial quero agradecer por tudo o que aprendi aqui
Quero lhe desejar um feliz aniversário.
Que este dia fique guardado em nossos corações.
Escola linda, escola bela...
Minha escola é como uma donzela.
Quero demonstrar meu carinho e agradecimento
Defendendo com unhas e dentes
Este lugar que está me fazendo gente...
Minha escola é grande, mas meu coração
Bem maior pra te acolher...
D. Helena Guilhon

Aluna : Marcilene. 7ª série.

Miss Helena Guilhon 2009 : Vitória, Turma: 612.

Trabalhos do projeto Portas Abertas


Grupo Orube

Escola D. Helena Guilhon participa da campanha Brasil ponto a ponto.

A Secretaria de Estado de Educação (Seduc) está incentivando as escolas da rede a participar da campanha Brasil Ponto a Ponto. Na manhã desta quarta-feira, 18, a Escola Estadual Helena Guilhon, localizada no conjunto Satélite, no Coqueiro, mobilizou toda a comunidade para participar da campanha que visa estimular os alunos a responder à pergunta: o que precisa mudar no Brasil para a sua vida melhorar de verdade? A ação é uma promoção do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) em parceria com o Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed) e vai subsidiar o relatório de Desenvolvimento Humano a ser publicado no início de 2010.Segundo os organizadores, a campanha Brasil Ponto a Ponto é aberta à participação de todos os brasileiros. No entanto, é muito importante ouvir também as vozes das crianças, adolescentes e jovens de todo o país. Os interessados podem acessar o site da Seduc: www.seduc.pa.gov.br até o dia 31 e enviar suas sugestões.

Vídeo da TV LIBERAL

Primeira Expor do Projeto Escola de Portas Abertas

O projeto escola de portas abertas na escola D. Helena Guilhon tem mobilizado toda as comunidades ao redor do conjunto satélite e grande tem sido o sucesso das oficinas. O projeto tem cumprido seus objetivos dentre os quais destacamos: tornar a escola um espaço a mais de lazer e aprendizado para todas as idades aos finais de semana. Eis alguns momentos:


18 março, 2009

34º Aniversário da Escola Dona Helena Guilhon

Na próxima sexta-feira, dia 20 de março de 2009(pela manhã), será realizada a comemoração do aniversário da escola.

Programação (Manhã)

08:15 -Abertura Oficial
  • Diretor Edson Mota
  • Pe. Bruno-Igreja Nossa Senhora do Bom Remédio
09:00 - Banda da Polícia Militar
  • Execução do Hino Nacional e Parabéns à escola.
09:30- Torneio Esportivo- Quadra e Campo.
  • Prof. de Educação Física.
09:30- Apresentações Artísticas- Pátio Coberto
  • Dança
  • Escolha da Miss Helena Guilhon.
  • Exposição do Projeto Portas Abertas
  • Concurso de Redação- Tema: Minha escola. Organização: Sala de Leitura e Prof. de Língua Portuguesa.
10:30- Lanche

11:30- Encerramento

14 março, 2009

PRÊMIO DARDOS


Para nós da escola Helena Guilhon é motivo de grande alegria recebermos este selo, o qual dificilmente é dado para uma escola e sim "blogueiros" experientes e hábeis na arte de escrever. Tal fato nos chama atenção para valorizarmos mais o que temos. Agradecemos a indicação da professora Elaine e parabenizamos a todos os que postam, comentam e participam deste blog. Brevemente faremos nossa indicação ao selo.

11 março, 2009

Seleção de Alunos bolsistas para sala de informática

CRITÉRIOS DO CTAE (Coodenadoria de tecnologia aplicada à educação)
  • O aluno precisa estar matriculado e frequentando regularmente a Escola em que está implantado o Programa “Escola de Portas Abertas”.
  • Ter no mínimo 16 e no máximo 24 anos; cursar o ou ano do Ensino Médio.
  • Possuir, preferencialmente, um bom rendimento escolar demonstrando interesse em desenvolver atividades em benefício da comunidade.
  • Não ter vínculo empregatício ou qualquer tipo de remuneração oficial;
Obs.: Os critérios acima relacionados não são excludentes entre si.

Da seleção:
  • Dois momentos : Pré-seleção e seleção final.
a) Pré-seleção:
  • Os professores das turmas das 1ª e 2ª séries do ensino médio entrarão em consenso para indicar 5 estudantes que atendam aos critérios mencionados acima.(5 de cada turma)
b) Seleção final:
  • Os alunos pré-selecionados participarão de uma entrevista com os coordenadores da sala de informática, na qual serão avaliados:
1.1- Nocões de infomática.
1.2- Criatividade.
1.3- Cordialidade.

Valor da bolsa de estudos:
  • 150,00 (cento e cinqüenta reais)
Duração da monitoria:
  • O período de duração da monitoria é de 5 meses podendo ser renovado uma vez por igual período. E, o aluno-monitor terá que ter disponibilidade de 4 horas diárias no turno diferente ao de estudo efetivo na Escola. A Escola terá que dispor de sala de informática com, preferencialmente, professor-coordenador lotado naquele espaço.
Das Vagas:
  • Serão selecionados 3 alunos monitores.Um para cada turno.
Período de seleção:
  • De 17/03/09 à 31/03/09
Augusto Daniel (Presidente do Conselho escolar e Coordenador do Programa Escola de Portas abertas)
Sidney Silva /Eric Ulisses.(Coordenadores da sala de informática)

10 março, 2009

LDB trouxe avanços, mas ainda é utopia

A Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB), de 1996, é uma das mais bem elaboradas legislações educacionais do mundo. Baseada no princípio do direito universal à educação, aborda questões como a vinculação entre escolas, trabalho e práticas sociais. Apesar desse caráter sensível à situação educacional do País, para os governantes de Estados e municípios ela não passa de uma sopa de letrinhas que dificilmente será cumprida em sua totalidade. Enquanto isso, os estudantes brasileiros sofrem com as condições precárias das escolas e os professores têm que pular inúmeras fogueiras para conseguir manter um ensino de qualidade. Ou seja, a prática está longe de representar o que está escrito no papel.

Segundo a Lei nº 9.394, o ensino deveria ser ministrado com a idéia de valorização do profissional da educação e da experiência extra-escolar, além de garantir um padrão de qualidade. Não é preciso ser um especialista em educação, contudo, para constatar que, na maioria das escolas, não é essa a realidade. É inegável que muita coisa melhorou nos últimos anos, mas para se chegar a um nível ideal, é preciso evoluir ainda mais.

AGRAVANTES

A doutora em Psicologia da Educação Ivany Pinto diz que o descaso com o ensino é comum em todo o País e, assim como em outros Estados, no Pará não é diferente - com o agravante de que o Estado tem maiores dificuldades devido à concentração de profissionais da educação no interior. Para ser professor no Estado é preciso, acima de tudo, ter muita disposição. As distâncias entre os municípios e as dificuldades de implantar cursos de capacitação nessas localidades tornam a situação do profissional da educação ainda mais complicada, segundo Ivany Pinto.

Para piorar, o ensino no interior foi, durante muito tempo, esquecido pelas autoridades. Agora, para recuperar o tempo perdido, é preciso ter muita paciência. 'A movimentação no interior é muito complexa. E, por esse motivo, é difícil encontrar saídas para que esse problema seja solucionado. O interior tem uma realidade totalmente diferente da capital e eu, como pesquisadora, penso que, mesmo que essa situação mude, quando o assunto é educação sempre vai faltar alguma coisa', diz a especialista.

CONHECIMENTO

A LDB também prevê que os professores deveriam ter um período reservado aos estudos, planejamento e avaliação, incluído na carga horário de trabalho. Segundo Ivany Pinto, são raras as escolas que cumprem essa determinação, que é conhecida como 'hora pedagógica'. Mesmo tendo uma importância fundamental para o desenvolvimento do aprendizado, ela é simplesmente ignorada por algumas instituições de ensino.

'Existem escolas que não oferecem estímulo algum para que o aluno e o professor sintam vontade de frequentar o ambiente de ensino. Os gestores das instituições se fecham dentro das quatro paredes da sala de aula e não se preocupam em aplicar o conhecimento adquirido durante o horário de estudo para fora da escola. E isso acontece, principalmente, porque os professores não têm tempo para se aperfeiçoar', informa.

Professor prefere a rede particular

A igualdade de condições para o acesso e permanência na escola é algo que já é tratado como piada. Mesmo sendo um dos principais pontos abordados na Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB), o descrédito se tornou algo tão sério que até mesmo os professores da rede pública matriculam seus filhos em instituições particulares. As vagas nas escolas bem equipadas e com ensino de qualidade são limitadas e disputadas a tapa. Por causa disso, no final das contas, muita gente acaba ficando de fora.

Segundo a doutora em Psicologia da Educhttp://www.orm.com.br/ação Ivany Pinto, porém, o problema não está só na administração do governo do Estado e das prefeituras. Tudo depende de quem vai ser o gestor do colégio. 'Existem escolas com condições mínimas que funcionam muito bem. É preciso que haja vontade de fazer acontecer', ressalta.

COMUNIDADE

A articulação das escolas com a família e a comunidade também é um sonho que parece muito distante de ser realizado. Além disso, a valorização do vínculo entre escola, trabalho e práticas sociais é algo totalmente utópico. Os alunos só aplicam o que aprenderam em sala de aula nos dias de prova e não se dão conta de que existe um mundo enorme lá fora. Ivany Pinto explica que projetos como o Programa Nacional de Inclusão de Jovens (Projovem), do governo federal, deveriam ser mais valorizados.

São iniciativas que ajudam o jovem a desenvolver habilidades e que podem lhe servir, futuramente, como uma fonte de renda. É um estímulo para que ele continue frequentando a escola. 'O desenvolvimento de atividades remuneradas é fundamental. Um jovem sem dinheiro, que não sabe como aplicá-lo, acaba entrando em um campo de risco', diz Ivany Pinto.

Pouca gente sabe, mas o transporte escolar dos alunos é de responsabilidade do governo do Estado e da prefeitura. Esse é um dos pontos mais importantes da LDB, segundo Ivany Pinto, porque ele é um dos principais causadores de evasão nas escolas. Para ela, não basta construir uma escola se os governantes não dão condições de o aluno chegar até ela. 'Às vezes, o aluno não tem dinheiro para pegar um ônibus ou tem que andar quilômetros a pé. Com isso, a probabilidade de ele desistir de frequentar a escola se torna ainda maior', explica. (T. A.

TAINÁ AIRES

matéria do endereço http://www.orm.com.br/

enviado pelo professor Nuno.(Helena Guilhon)

08 março, 2009

À VOCÊ MULHER

"Enganosa é a graça, e vaidade, a formosura, mas a mulher que teme ao SENHOR, essa será louvada" Provérbios 31; 30.
"Bem aventurada a mulher que cuida do próprio perfil interior e exterior, porque a harmonia da pessoa faz mais bela a convivência humana. Bem aventurada a mulher que, ao lado do homem, exercita a própria insubstituível responsabilidade na família, na sociedade, na história e no universo inteiro.Bem aventurada a mulher chamada a transmitir e a guardar a vida de maneira humilde e grande.Bem aventurada quando nele e ao redor dela acolhe faz crescer e protege a vida.Bem aventurada a mulher que, que põe a inteligência, a sensibilidade e a cultura a serviço de seus semelhantes.Bem aventurada a mulher que, em seu caminho encontra Cristo: escuta-o, acolhe-o, segue-o, como tantas mulheres do evangelho, e se deixa iluminar por Ele na opção de vida.Bem aventurada a mulher que, dia após dia, com pequenos gestos, com palavras e atenções que nascem do coração, traça sendas de esperança para a humanidade."
Parabéns pelo seu dia, você é muito especial.
O texto acima foi lido no dia 8/03 durante a escola bíblica dominical da Igreja Batista do Satélite(rua 9, nº1175). A comunidade Batista do Satélite faz um trabalho social importantíssimo falando de sua fé em Jesus recuperam jovens e adultos em situação de risco.
Continuem enviando sua matéria, aviso, sugestão etc, para o email: donahelenaguilhon.blogspot.com

06 março, 2009

Criação e manutenção de Blogs com alunos da UFPa.(Programa Fortalecer)


Esta semana, nos dias 04, 05 e 06 /03/2009, realizou-se um treinamento na sala de informática com os bolsistas do programa fortalecer(projeto escola da rua) sobre criação e manutenção de blogs.
As(o) alunas(o) da Universidade Federal do Pará, todos oriundas(o) da escola pública, vieram unir forças conosco para tornar a escola D. Helena Guilhon um referencial de escola pública de qualidade.
A sala de informática está fazendo a sua parte dando apoio logístico aos projetos da escola. Abaixo estão os blogs que foram criados durante o curso os quais serão ferramentas importantes dentro do projeto. Parabéns.

mais informações sobre o projeto clique aqui

04 março, 2009

1ª EXPOR-FEIRA D. HELENA GUILHON.

(Programa de portas abertas)

Convidamos todos os moradores da comunidade Satélite
para participar da 1ª Expor-feira do Programa de Portas Abertas.
Com exposição dos Produtos Confeccionados pelo Projeto.

Local: Escola D. Helena Guilhon.
Dia 07/03(no Sabado) às 18h
Atrações: Grupos de Dança de Salão
Apresentação de Capoeira
Encenação Teatral
e Músicos da Comunidade.

BOAS VINDAS 2009

Sejam todos muito bem vindos à escola Dona Helena Guilhon. Desejamos um ano letivo de sucesso a todos.
Este espaço também é seu. Participe, deixando sua sugestão nos espaços comentários, ou no mural do site.

01 março, 2009

Dados da Escola

Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio do Estado do Pará, localizada em Belém, no Cj. Satélite WE 5, s/n, fone: 3248-0743, temos 2200 alunos, divididos em 3 turnos, e em média 80 professores. Email do blog: donahelenaguilhon@gmail.com / Direção: Edson Motta/ Vice-Direção: Manhã- Eliana Ferreira , Tarde/ Noite- Alice Carvalho.